Ouvido pensante

Tudo me pareceu triste ontem.

A Lua era cheia e sussurrava seu canto mais limpo. O sussurro era de tal sentido que mal me chegava aos ouvidos, porém era entendível seu brilho durante aquela escura noite.

O berro de um carro foi diferente do que estava sentindo, era um grito alto seco profundo. Alguns moradores até saíram de suas casas para assistirem aquela espécie de ópera. Era época do Concerto do Universo, todos estavam afinando seus instrumentos, rúidos e vozes.

Já eu e meus companheiros estávamos a sussurrar com a Lua, o som mais sutil que podíamos. O canto era limpo e se traduzia em uma homenagem aos Povos da Terra.

Shim Abilu Sshhiimmm Oggo…

Dicikl Ghiuaa Trhisssimm…

O grande maestro estava para chegar em algumas horas e todos sentiam a necessidade de ensaiar mais.

Aviões, rádios,

caminhões,  respirações, falas,

pianos, serrotes, motos, passos,

gritos, ar condicionado,

começaram devagar.

Não sei por que eu e meus companheiros não gostamos de ensaiar com eles, estávamos presente para ficar mais tempo sussurrando levemente. O prazer foi tanto que todo tipo de som foi facilmente desaparecendo e o que ficava era nosso canto sussurrado.

A tristeza foi se superando e a leveza de cada sussurro tomava mais forma.

Ssshimm Bluuc Soanaavii…

Onnip Deehk Sooannavii…

Shimsh Nossu Sshiimm…

Eis que o burbilhar dos passáros anunciavam a chegada do maestro e a despedida da Lua, pois agora ela sussurraria em outra parte do Mundo e o Concerto do Universo começaria.

Poucos entenderam seu sussurrado, o canto mais limpo em homenagem aos Povos da Natureza. Começava assim o Concerto do Universo, um pouco atonal, descompassado, perdido e desorganizado.

Buzinas, falas,

Aviões, chiar da vassoura,

Torneira de água, rádio,

birbilhar dos insetos…

RKTWYBDHGTSHCDFFNPQSP…

STHRKLMCDBTGDPQRQ…

Meu ouvido ficou pensante.

Anúncios

2 Respostas to “Ouvido pensante”

  1. Um escriba das montanhas Says:

    Não podemos nos esquecer que o tintinlhar das tesouras, os rintumpéis dos talheres e os taqueplafes dos mesa-tenistas foram sumariamente boicotados de tal Concerto. Pior, seguer houve concessão para uma arguição de defesa em nome dos excluídos. Uma verdadeira bravata isto que se sucedeu!

    E já que me cabe o papel de paladino dos palacianos, venho por meio desta invocar-lhe o direito ao debate com o menestrel. Sabe-se que já existem casos de tal natureza, mas consta-se que a Lua – justamente a Lua! – deixou o recinto sem ao menos dar um beijo de boa noite nos convidados.

    Desta forma, repito: exijo sentar-me com o menestrel!

    (Não aceitarei um não como resposta, muito menos um sim – salvo os casos de polidez e boa educação)

    Arriba meomá!

  2. ni Says:

    legal, zi!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: